sábado, 26 de julho de 2008

...os embalos de sábado à noite continuam... e os de sexta também!!!

Mais uma, mais um sábado, mais uma violência sonora e uma volta triunfante pra casa e a sensação de que estamos fortes pra mais uma semana de luta...



A chata da Camila chegou da Thrashlândia , que alguns chamam de região CENTRO-OESTE e ela tinha marcado com o Magão de ir pros ensaios, perguntei se ela num tava afim de ir na minha casa na saída do trampo pra ir todo mundo junto pro ensaio , até por que o Matagato e o Magão estariam indo pra lá também ao meu encontro.

Depois da reunião e da velha enganação de bucho que a Dona Fransquinha sempre serve aos meus convidados no quartel general, saímos de casa as 19:30 e o ensaio tava marcado prás 20:00, ou seja, praticamente atrasados. Chegamos no terminal do Antônio Bezerra faltando 10 minutos para as 20:00, pegamos o Saraiva e chegamos no 746 com 5 minutos de atraso e lá chegando, contamos com a presença ilustre do nosso amigo Robert, mais conhecido como "Robit" e a ausência sempre prejudicial do nosso baixista Jefter, mais conhecido como "Jefit".




Então o Robert pegou o baixo e substituiu o Jefter por aquele ensaio e tudo correu dentro dos conformes, já com aquele preocupação de ver os erros, acertar os finais e deixar tudo bonito pra gravação da demo já pro mês que entra... o ensaio mais uma vez nos mostrou que devemos gravar o mais rápido possível



Com o termino do ensaio do FAIXA DE GAZA, teríamos que esperar 1 hora até o ensaio do MUNDO CADÁVER. O batera chegou pouco tempo depois acompanhado de seu cunhadinho à mando da noiva pra saber se tava tudo tranquilo (mentira). A nossa agora amiga Camila Roque ( que agora ta usando uma farda que deixa ela parecida com apresentadora do Jornal do meio-dia) fez uma fé e comprou um monte de biscoito pra acabar com o desespero do morto de fome do Elton. Eu aproveitei e fiz uma brincadeirinhas bestas como sempre...



Já eram 22:00 e entramos no estúdio. Começamos o ensaio com os sons que estaram no 4-way que a Nocaute irá lançar no fim do ano e que ainda estão meio novinhos... Depois demos continuidade aos covers. No ensaio passado agente tinha pegado o O.R. , que pros mais desentendidos foi a 1° banda do nosso amiguinho Jorge Matagato e ele não contou pipoca, cantou tanto "oposição reprimida" como cantou comigo "monólogo" do grande DIAGNOSE, que na hora agente tava terminando de pegar.



Foi muito lindo!!!! Vocês não tem noção, quando eu comecei a andar em gig em 1997, eu via o DIAGNOSE na ativa e jamais passaria na minha cabeça de um dia ta tocando numa banda com o Matagato ou ele ta cantando "monólogo" com os meus comparsas de MUNDO CADÁVER. O Matagato disse que quando os meninos tocaram "oposição reprimida" da finada O.R. , ele voltou ao ano de 1996, deu pra ver os olhinhos verdes dele cheios de lágrimas. Como meu amigo Alexandre falou, é muito foda tocar sons de bandas antigas que agente viu tocando... Depois retomei o vocal e fizemos um mini-show pros presentes tocando só musicas avulsas pra refrescar a memória do batera, que nessa sexta tava arrasador, ô bichim do braço pesado e parecia que fazia muuuuito tempo que agente não ensaiava, devia ser por que tava divertido.



Deixamos o Matagato no ônibus e pegamos o nosso. Já dentro do coletivo, nos deparamos com o Rodrigo, aquele mesmo, o fantástico "HOMEM-POODLE"!!!! Depois de algumas trocas de ofensas e piadinhas sem sal. Chegamos na casa do Bruno exaustos, sabe aquela sensação que dá depois de fazer muito sexo com uma pessoa que é muito afim? Pois essa era a descrição de como eu e os meninos estávamos sentindo. Quando deu 1:00 agente foi deixar a Camila em casa e quando retornamos eu não aguentei e pedi arrego com o cú trancado...



eu sei , eu sei, você deve ta pensando:


PORRA , QUE CARA BESTA, DANDO TANTO VALOR À UMA NOITE DE SEXTA-FEIRA DESSAS!


não pode ter importância pra você, mas foi foda pra mim e pros meus chapas e é isso que importa, tá do lado de quem eu escolhi e gosto tirando um som fudido e me divertindo, por que afinal, as melhores coisas na vida estão nos detalhes...



Um comentário:

lamegera disse...

nem me convida pro roleh