sábado, 31 de dezembro de 2011



cara... agora é o momento para os olhos mais cegos de desejarmos feliz ano novo uns aos outros... porém, não sei vocês... mas nunca me senti tão inseguro tamanho o clima de caoticidade que Fortaleza se encontra nesse momento. Fui visitar meu pai no IJF e a fila de moribundos semi mortos era incalculavel, isso as 16H desse 31 de dezembro... então só me resta viver o resto dos meu dias cada um por vez dentro desse caos de segundo seguinte incerto e desejar ao que sabem que merece um feliz 2012 com a vitória na primavera!!!

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

CURMUDGEON - Human ouroboros "TAPE"



...deliciante banda de Boston com vocal feminino que dispõe um denso e não menos maravilhoso power violence com partes arrastadas que eu adoro sempre mescladas com as partes mais rápidas (blasts/fasts). Essa banda me lembrou muito em alguns momentos o maravilhoso DESPISE YOU. Eles tão no cast da TOLIVEALIE RECORDS, então você já sabe o que vai encontrar.... Som dedicado pra uma galera ai, mais especial pro Allan (SONIDOS RABIOSOS), a rapaziada sem vergonha do LOVE STORY  e pra galera do coletivo INCÔMODO!!!


terça-feira, 8 de novembro de 2011

AUTORAMAS - Música crocante

 
Venho com muita alegria postar o novo disco da melhor e maior banda independente do Brasil e quem sabe da América latina... falo do grande AUTORAMAS e sua mais nova cria "Música crocante". Após o aclamado dvd com o acustico MTV, esse play marca a estréia da fenomenal baixista Flavia Couri em um disco plugado. O disco tambem marca o fator de que ele foi pago com uma promoção feita pela propria banda em que os fãs comprariam cotas e com a grana arrecadada seria pago os custos da gravação. Falando mais sobre a parte músical do disco, eles atacam com o seu rooooooooooock, ou seja, a banda coloca no liquidificador jovem-guarda, surf-music, garage, punk-rock, new wave, tudo isso temperado com um cover do NEW ORDER. Destaques para as grudentas "Tudo bem" e "Domina" assim como a maravilhosa "Superficial" com a já citada Flavia nos vocais... No mais, um disco massa como todo lançamento dos AUTORAMAS. Gostaria de dedicar esse post a minha namoradinha Raquel... amor te amo muito!!!



NO STATIK - We all die in the end



...estava eu no DCE aguardando a apresentação do CONQUEST FOR DEATH quando me aparece Robert Collins com sua barba de judeu ortodoxo... Após apresentação e uma breve conversa (com o meu inglês que é bem xulo) tive a oportunidade de dar uma camisa do FAIXA DE GAZA para o gringo em questão, que mais que prontamente me deu uma tape de um tal NO STATIK, que até então, eu nunca tinha ouvido falar...
O NO STATIK nada mais é que uma junção mirabolante de integrantes de bandas como Look Back and Laugh, Talk is Poison, Artimus Pyle e Scholastic Deth, eles tocam um som que varia entre um fastcore (fast mesmo) e um crust lembrando muito bandas japonicas no seguimento... Dedico esse post mais uma vez a todos que tocam comigo nas minhas bandas!!! 
 
 

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

ARCHAGATHUS - Canadian horse


Taí o tão esperado lançamento do(s) príncipes(s) do MINCE-CORE... ele(s) mesmo(s)... ARCHAGATHUS. Dan Ryckman e toda galerinha grinderia que ajuda ele ta de parabéns por trazer a tona um som que não é todo mundo que curte mas quem curte, curte de verdade e não se envaidece com as modinhas. Sobre o disco... nada a acrescentar, só o mesmo mince-core atordoante de sempre. É baixar e passar um mês sem tomar banho!!!

ARCHAGATHUS - Coffee grinder


Não vou falar nada.... só que a ofensiva MINCE-CORE continua massiva em 2011. Que LP showlaço!!!


segunda-feira, 31 de outubro de 2011

MALIGNANT TUMOUR - ...From grindgore... To mincecore



 O Walterming colocou um video no face book de 2008 do Malignant Tumour e eu fiquei pensando...porra eles já foram CARCASS, ai tiveram uma fase AGATHOCLES (que é a minha favorita), ai depois entraramde cabeça numa parada tipo MOTORHEAD, então o mesmo Walterming disse não conhecer a face mince deles e eu resolvi por no blog, ê fase louca desses tchecos ex-grindeiros!!!





sexta-feira, 19 de agosto de 2011

F.Y.P (Five Year Plan)

...em tempos que o bullying tem sido assunto teimoso nas rodas chatas do moralismo mundial, até por que o caba sofria no colégio e só assim virava malandro, venho com essa banda que me lembra muito os tempos de colégio e aquela galera arenguera que sempre tinha. Porradaria, eu lembro de uma vez que rebolaram uma gramática num menino e ele se esquivou e a gramática pegou no professor que estava escrevendo no quadro negro, guerra de bolinha de papel, isso acabou por que o menino que passa o dia na jaula que os pais fizeram pra ele não pode mais por causa do maldito bullying. Sobre a banda, hardcore massa, bases nada complexas, bateria seca no 1x1 forever e um vocal de delinquente da 6° série que toda semana os pais vão no colégio saber o que está acontecendo com o príncipe... foda


F.Y.P. - Incomplete crap, vol. 1


Includes The finish your popcorn lp, Made in usa 7", Cooties 7", One sided "guido 7", and A crapload of comp songs. 
Released in 1993 on Recess Records

 
Password: Shpadoinkle_Punk


F.Y.P. - Incomplete crap, vol.2




Especialmente dedicado pra Rogério (LOVE STORY) e o Jorginho...

terça-feira, 16 de agosto de 2011

SKRUTA - Rehearsal demo



SKRUTA é uma banda da gélida Ukrania que toca um mirabolante grindcore... Mereceu o prémio "GRINDCORE DO MÊS" com a sua demo que é foda e super bem gravado... Agora só me resta esperar o 1° petardo desses compatriotas do Shevchenko


segunda-feira, 15 de agosto de 2011

THE LOCUST & MAN IS THE BASTARDS - Split


Taá uma boa pedida pros entusiastas (os verdadeiros) do power violence... Falo isso por que so os verdadeiros conseguem aguentar ouvir alguns sons (ruindos) nauseantes do MAN IS THE BASTARDS, que inclusive estão nesse split. Vamos começar pelo THE LOCUST, que é se San Diego e nesse play me agradou bastante com um power violence bem costa oeste mesmo... Muito blast, partes mais hardcores e toda quebradeira existente no estilo. Já os mestres MAN IS THE BASTARDS vem só com barulho, 10 minutos de ruidos comandados pelo eterno Eric Wood que faram sua mãe perguntar se seu quarto é um escritório da NASA.


sábado, 30 de julho de 2011

Entrevista com Isaac, vocalista do FAIXA DE GAZA pro zine VELHO RABUGENTO!!!

Velho Rabugento: Começa apresentando a faixa de gaza para quem ainda
não conhece a banda.
Issac: Bem, nós somos o FAIXA DE GAZA, agente tenta tocar hardcore, a banda
conta com Jorge Matagato na bateria, leandro no baixo, Charles Gaza na
guitarra e eu, Isaac nos vocais... A banda começou em 2008, sendo que com
Elton na guitarra e o Jefter no baixo.

VR: A banda já tem uma Demo e um Split lançados. Podia falar um pouco
destes lançamentos, como rolou o processo de gravação e como tem sido
feito à distribuição?
I: Certo, a 1° demo foi gravada em 2008 e conta com 15 sons ainda com a
1° formação e agora recentemente gravamos 30 sons no quais 10 foram pro
split com o maravilhoso LOVE STORY e os outros 20 estão meio que
esperando algum lançamento futuro... O processo de gravação, até agora
agente preferiu fazer ao vivão mesmo (1° todos os instrumentos depois o
vocal) e vem funcionando assim.
Sobre o processo de distribuição, isso sim tem sido um problema, por que os
integrantes da banda, são muito ocupados com seus trabalhos filhos das
putas, e não existe um planejamento por mais que tentamos nos organizar
sempre foge do controle e a distribuição fica ao esmo, agente sempre leva
material pras gigs e coisas do tipo, mas a intenção era ser um lance mais
massivo, que chegasse pra todos que curtem barulho.

VR: E tem planos para lançaram algo para breve? Quais os planos da banda
atualmente?
I: Como disse anteriormente, temos mais 20 sons, a intenção é tocar, tocar e
tocar, divulgar o split pra depois lançar esses outros 20 sons. Recentemente
tocamos aqui em Fortaleza, o que foi bacana pra galera ver como funciona a
bagaça por que a banda é meio reclusa e isso ajudou na divulgação dos
trabalhos, mas os planos é tocar.

VR: Todos da banda já tocaram/tocam em outras bandas, podia falar um
pouco sobre estes outros trampos?
I: Então, no começo da banda eram eu, o Jefter e o Elton do MUNDO
CADAVER (http://www.myspace.com/mundocadaver), hoje o MUNDO
CADAVER esta parado, o Leandro toca no ótimo INDIGESTO dentre
outras bandas na cena anarcopunk, Matagato e eu somos também do
DIAGNOSE (http://www.myspace.com/diagnosecrust) e eu ainda toco
bateria no NO CREW!!! E no xACERTO DE CONTASx
VR: Que bandas influenciaram na formação da banda, e o que anda
escutando de novo?
I: Das bandas mais clássicas, é latente nossa influencia do DROPDEAD e
bandas mais antigas como MOB 47, EXTREME NOISE TERROR, DOOM,
HERESY. Agente curte muito ABUSO SONORO, SIN DIOS,
ULCERRHOEA e por ai vai. De coisa mais recente agente tem ouvido muito
MAGRUDERGRIND, WAR VICTIMS,BLOOD I BLEED, NUCLEAR
DEATH TERROR mais uma infinidade de coisas que cada integrante ouve
na sua casa...

VR: Alem dos sons um dos destaques são as letras (curtas e diretas ao
ponto). Qual a importância das letras para a banda. E de onde tiram
inspirações para escrever?
I: As letras são de total importância... As pessoas menos acostumadas com
som mais extremo podem relutar que não da pra entender nada que eu to
gritando ali naquela hora e é pra ser assim mesmo por que é um protesto que
agente faz e é um vocal que condiz com a forma que a musica esta sendo
executada e eu acho que isso impulsiona a pessoa ler as letras. As
inspirações vem de tudo, principalmente de questionamentos, Por que
achamos que o individuo libertário deve questionar, afim de que com as
possíveis respostas, mude essa podridão que está ai ao nosso redor.

VR: E alguém da banda é envolvido de alguma forma no universo dos
fanzines? Na tua opinião qual a importância deles nos dias atuais?
I: Infelizmente, como ja foi dito, por conta da falta de tempo (ou de
planejamento) ninguem é envolvido com zines. Sobre a importancia deles,
acho importantissimo e agora com essa onda de blog eles foram meio que
esquecidos, mas acho que se o zineiro ou blogueiro tiver disponibilidade de
fazer o trampo multiplataforma (incluindo o velho zine de papel) estaria
mantendo a divulgação de uma pá de coisas legais (entrevistas, resenhas,
comentarios...).
 
VR: Man, valeu pela entrevista. Deixo o espaço para divulgar a banda,
formas de contato, uma mensagem final, reclamar do vizinho que escuta
sertanejo em volume alto... enfim espaço livre.
I: Agradeço o espaço sedido pelo tão estimado zine, quem tiver interesse em
pegar os materiais do FAIXA DE GAZA é so entrar em contato comigo pelo
xgarrafax@hotmail.com e eu tambem tenho um blog que é o
www.xgarrafax.blogspot.com que sempre tem som maneiro pra baixar.
Muito obrigado mesmo e RESISTÊNCIA à todos!!!
 



quinta-feira, 14 de julho de 2011

THE AFTERNOON GENTLEMEN - Pissed again


...e diretamente de Leed, no UK vem essa louca banda, sim, fazia muito tempo que a terra da rainha não apresentava uma banda tão doida da asa assim. Trata-se do mais louco POWER VIOLENCE nos moldes do que é feito na costa oeste americana (aka SPAZZ e companhia LTDA). Ressalva moral pro ótimo baterista, que me lembrou os áureos tempos de Mick blast beat Harris... Pense num tabefe bem dado... esse play tá um esculaxo... Para os que não acreditaram numa palavra que eu disse vejam esse vídeo deles no OEF  desse ano...

 

...ah, você gostou? Então baixa ai malaco... Adeus!!!

terça-feira, 12 de julho de 2011

...coisas da madrugada anterior!!!

MINKS - By the hedge 


 Excelente banda de Boston... vocais etéreos, guitarras clamando por urgência fazem desse play uma boa pedida pra quando você tiver voltando de um dia cansativo de trabalho... Destaque para as ótimas "Funeral song" e "Cemetary rain". Agora é deitar, relaxar e ouvir essa delicia.




BRAVE IRENE


...é com muita alegria que vos apresento esse play. Mais uma delicia vinda de Vancouver, Canadá. Seria um GRASS WIDOW numa levada mais BELLE & SEBASTIANA, tudo feito por 5 minas... Som dedicado praquela mina que gosta do menino lindo do 2° Ano, que se decepciona e vira lésbica



DREAM DIARY - You are the beat


Aqui o babado vai mais pro dream pop com muita doçura. Trata-se do 1° play dessa banda vinda do Brooklyn (sempre de lá). O casal Madison Farmer e Jacob Sloan ouviram muito o "THE QUEEN IS DEAD" e resolveram chamar os coleguinhas... o resultado foi esse play que se você for diabetico você poderá ter um colapso na primeira ouvida. Boa pedida para os apaixonados!




segunda-feira, 27 de junho de 2011

THE BITTERS - East general






...mais garagera LO-FIniana, só que agora o negócio é pros lados canadesnces.., mais precisamente em Toronto, esse play é de 2010 e tem muito a oferecer...